Aplicativos Dicas

Como espionar o WhatsApp de alguém: veja qual é o melhor aplicativo

Como espionar o WhatsApp de alguém: veja qual é o melhor aplicativo

Como clonar whatsapp do namorado ou esposa?

Se você quer aprender como espionar o WhatsApp no namorado(a), marido ou esposa de forma segura saiba que chegou ao lugar certo.

Embora algumas pessoas fazem isso como uma forma de exercer golpes, outras pessoas só querem espionar o celular de seus namorados ou filhos de forma segura e sigilosa para não serem enganados.

O principal objetivo é descobrir qual o tipo de conteúdo que essas pessoas têm acessado, entre outras coisas. Cabe destacar que existem muitas formas de fazer isso, inclusive através de programas que não são nada confiáveis.

Por isso é importante estar atento para não cair em um golpe. Sendo assim, caso você também esteja interessado em saber como espionar o WhatsApp de alguém através do melhor aplicativo do mercado conhecido como mSpY de forma sigilosa continue lendo esse conteúdo!

  • Você suspeita do seu namorado, namorada ou marido de traição?
  • Deseja monitorar o que seus filhos falam no WhatsApp?
  • Você tem alguma pessoa para monitorar as atividades no WhatsApp?

Como Monitorar WhatsApp Do Namorada(o)/Esposa(o) com app pago?

Como dito antes, para espionar o WhatsApp de alguém, existem muitos apps para isso. Porém, nem todos são confiáveis, colocando assim em risco a privacidade e segurança de seus próprios dados pessoais.

Atualmente, o melhor app para clonar o WhatsApp é o mSpy, esse programa é confiável e seguro.

O mSpy é um serviço pago que oferece uma série de funções interessantes e bem úteis para o usuário, além de ser muito simples e prático de instalar.

Caso você já tenha usado o WhatsApp Web, então é possível que note uma certa semelhança com esse app, pois ele funciona, basicamente, da mesma forma. Isso significa que você também poderá usá-lo tanto em um celular quanto computador.

Contudo, antes de prosseguir, é importante alertar sobre os riscos de clonar o WhatsApp de alguém sem a sua permissão. Afinal, invasão de privacidade caracteriza-se como um crime passível de multa e punição.

Além disso, também pode fazer com que a pessoa tenha problemas com o dono do celular que clonou. Ou seja, não é possível clonar o WhatsApp de alguém sem que essa pessoa conceda a sua permissão, a única exceção é para os filhos menores de idade.

Portanto, antes de fazer isso, esteja ciente de todos os problemas e consequências que pode trazer para o seu relacionamento e vida pessoal.

Como mSpy WhatsApp Web Funciona?

Agora que você já está ciente sobre todos os riscos relacionados a clonagem do WhatsApp de alguém, então agora está na hora de conhecer um pouco mais sobre como funciona o mSpy.

Basicamente, esse app funciona como uma versão hackeada do WhatsApp original e para de conectar em qualquer conta, é preciso de um QR Code. Ao escanear esse código, ele procura a conta para conectar-se de forma automática.

Uma vez conectado, você passará a receber qualquer mensagem e conteúdo do celular que clonou. Ao passo que a pessoa cujo o celular foi clonado, não ficará sabendo sobre o app, pois ele fica invisível e o celular funciona normalmente.

O mSpy garante uma série de vantagens para o usuário, como por exemplo:

  • Você pode clonar todas as contas do celular, tanto pessoais quanto comerciais;
  • É possível usar a mesma conta do WhatsApp em dispositivos diferentes;
  • Você tem a opção de usar até duas contas no mesmo celular;
  • Poderá receber e enviar mensagens do app;
  • O app fica escondido, desse jeito é possível monitorar a pessoa sem que ela descubra.

O que é necessário para clonar o WhatsApp?

Para clonar o WhatsApp de uma pessoa, tudo o que você precisa é que o sistema do seu smartphone seja Android. Em seguida, basta fazer o download do app mSpy e ter acesso ao WhatsApp da pessoa que deseja clonar, para realizar a leitura do QR Code.

Além disso, também é preciso que ambos os aparelhos estejam conectados à internet para funcionar.

clonar WhatsApp

Como espionar mensagens depois de clonar?

Após baixar, instalar o mSpy e fazer a leitura do QR Code, basta acessar a tela inicial do celular da pessoa e abrir o WhatsApp Web. Em seguida, será preciso digitalizar o QR Code e pronto, você já poderá ter acesso a todas as mensagens em seu próprio celular.

Dessa forma você tem acesso a todo conteúdo do celular da pessoa. Lembrando que é preciso estar em posse do celular para que consiga ativar o app, mas uma vez feito isso, não será preciso ativar novamente quando for entrar.

Apenas certifique-se de que as notificações do celular da pessoa sobre a ativação do WhatsApp Web estejam desativados. Pois, caso contrário, isso poderá a aparecer entregando você e a pessoa descobrirá.

O que fazer para se prevenir de clonagem de WhatsApp?

Na internet é muito fácil que alguém acabe tendo acesso aos seus dados e clonando o seu WhatsApp, por isso é importante se prevenir. Sendo assim, o ideal é ativar a autenticação de duas etapas no seu celular.

Quando alguém for tentar invadir a sua conta do WhatsApp usando outro celular, você será alertado. Para ativar essa função, basta acessar as configurações do app, entre em sua conta, selecione o “verificação em duas etapas” e, por fim, toque em ativar.

Então, você deverá usar uma senha que contenha 6 dígitos para ativar essa opção. Evite usar senhas muito fáceis e previsíveis, como datas de aniversários e sequências de números.

Outro método é usar algum app para proteger o seu WhatsApp com senha. Você pode encontrar uma variedades deles para baixar, eles salvam o app em uma pasta segura, mesmo que alguém consiga acesso ao seu celular, terá então que descobrir a senha.

Como saber se o meu WhatsApp foi clonado?

Quando outra pessoa faz login em sua conta, o WhatsApp irá exibir uma atividade suspeita em sua conta e que o seu número está sendo usado de modo indevido. Mas, de acordo com a Anatel, há alguns indícios que você pode observar, como por exenplo:

  • Dificuldades para completar chamadas originadas;
  • Ligações caindo com frequência;
  • Dificuldades para entrar em sua caixa de mensagens;
  • Chamadas recebidas de números desconhecidos;
  • Entre outros.

O WhatsApp não permite que dois celulares diferentes usem a mesma conta simultaneamente. O que facilita um pouco a identificar fraudes, pois sempre que alguém dizer login no seu WhatsApp em outro aparelho, o seu irá parar de funcionar.

Existe, contudo, a versão do WhatsApp Web, como já foi dito, onde é possível usar a mesma conta do app ao mesmo tempo e em dispositivos diferentes. Caso você desconfie que alguém esteja usando sua conta, acesse as configurações do WhatsApp e selecione “WhatsApp Web”.

Basta tocar na opção “sair de todos os computadores”. Desse modo, qualquer dispositivo que tenha feito login em sua conta, será desconectado de forma automática.

O que fazer se tiver whatsapp clonado?

Outra medida que você pode tomar caso suspeite que tenha sido vítima dessa fraude, é fazer um boletim de ocorrência. A clonagem de número caracteriza-se como uma espécie de crime de estelionato, tendo em vista que as pessoas pedem dinheiro para os contatos da vítima.

Grande parte das delegacias contam com um sistema de boletim de ocorrência virtual, o que acaba facilitando o procedimento para fazer um B.O. Pois, não será necessário ir até uma delegacia, basta fornecer todos os dados necessários e informar sobre o ocorrido.

De acordo com a própria Polícia Civil, quando isso acontece, o mais recomendado é fazer o seguinte:

  • Registrar um boletim de ocorrência;
  • Avisar os seus contatos;
  • Contatar a sua instituição financeira, caso haja alguma transferência de dinheiro;
  • Solicitar a desativação da sua conta no WhatsApp;
  • Bloquear a sua linha da operadora de celular e pedir um novo número;
  • Desinstalar o WhatsApp e reinstalar.

Feito tudo isso, você ainda pode buscar os seus direitos como consumidor, tomando as devidas medidas.

Conclusão

Podemos concluir que para clonar o WhatsApp de alguém, basta fazer o download do app mSpy e instalar no celular da pessoa que deseja espionar. Porém, mais uma vez é importante ressaltar que espionar alguém sem a sua permissão é crime.

Se for pego, você pode receber uma multa e punição por isso. Esse tipo de ação só é válido para espionar o celular dos filhos que são menores de idade, mas caso contrário, é um crime que pode trazer consequências, por isso pense bem antes de fazer isso.

Por fim, o que você achou desse conteúdo? Foi útil para você? Ainda possui alguma dúvida? Então, deixe o seu comentário!

Aproveite e confira ainda nosso conteúdo sobre: “TV online: os 9 melhores sites para assistir televisão grátis 2021”.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.